Dieta Motivação

Efeito Sanfona – Como Funciona e Como Evitar

Perda de peso sempre é nossa meta no que se refere a ficar saudável e em forma. Entretanto, já que há muitas dietas que oferecem uma dieta muito severa, não podemos negar que há vezes em que deixar essa dieta significa recuperar o peso que perdemos.

A maioria das pessoas que fazem dieta provavelmente ouviu sobre o efeito sanfona. O efeito sanfona acontece quando você perde uma quantidade substancial de peso, mas o recupera. É também conhecido como um ciclo de peso, pela razão de ser um ciclo repetitivo de perda e ganho de peso.

O Que Causa o Efeito Sanfona

Se você quer saber como evitar o efeito sanfona, é importante que você conheça as razões pelas quais ele ocorre. O efeito sanfona é tipicamente iniciado por planos de perda de peso que consistem em pular refeições, fazer jejum e que diminuem consideravelmente sua ingestão calórica diária.

Quando você tira do seu corpo as calorias que ele precisa para ter energia, ele se acostuma com a mudança ao desacelerar seu metabolismo. Metabolismo é o método em que seu corpo queima os alimentos que você consome para criar energia. Seu metabolismo pode não voltar ao normal quando você volta ao seu estilo de vida normal. Um metabolismo mais lento quer dizer mais ganho de peso. Em muitas circunstâncias, você não apenas recupera o peso que perdeu com a dieta, mas pode até ganhar mais do que perdeu.

Os Efeitos da Sanfona

Se você já sofreu com o efeito sanfona antes, você com certeza conhece seus efeitos. É verdade que a maioria das dietas rápidas e outras soluções rápidas de perda de peso podem funcionar para perder alguns quilos em pouco tempo. Por outro lado, é importante saber que essa perda de peso geralmente se deve a perda de água e massa muscular. Além do fato que a perda de peso é apenas temporária, o efeito sanfona tem mais efeitos indesejáveis. Por exemplo, sua falha em perder peso de forma permanente pode impactar sua saúde emocional. Isso pode causar depressão, ansiedade e distúrbios alimentares.

Peso flutuante pode causar uma maior probabilidade de desenvolver câncer e doença cardíaca. Você pode sofrer perda de cabelo e desenvolver osteoporose, entre outras condições. Isso se deve ao fato de muitas dietas rápidas serem deficientes em nutrientes vitais para a saúde do cabelo, ossos e saúde geral. Devido à baixa ingestão de calorias, a exaustão e a dificuldade de foco pode resultar do efeito sanfona.

Se eu recuperar o peso, perdê-lo de novo não vai ser ainda mais difícil?

Uma pessoa que perde e ganha peso repetidamente não deve ter mais problemas ao tentar alcançar e manter um peso saudável do que uma pessoa tentando perder peso pela primeira vez.

Estudos mostram que o efeito sanfona não afeta a taxa metabólica – a taxa em que o corpo queima calorias por energia. Baseado nessas descobertas, o efeito sanfona não deve afetar o sucesso de futuros esforços de perda de peso. O metabolismo, entretanto, desacelera conforme a pessoa envelhece. Além disso, pessoas mais velhas geralmente são menos ativas do que quando eram mais novas. Independente da sua idade, fazer atividades físicas regulares além de ter hábitos alimentares saudáveis ajuda na perda de peso e melhora sua saúde geral.

O efeito sanfona me deixa com mais gordura e menos músculos do que se não tivesse feito dieta nenhuma?

Não há provas de que o efeito sanfona aumenta a quantidade de gordura em uma pessoa que perde e recupera o peso. Pesquisadores descobriram que, depois do efeito sanfona, aqueles que retornam a seus pesos originais têm a mesma quantidade de gordura e massa magra que tinham antes. Pessoas que se exercitam durante o efeito sanfona podem ganhar músculos.

Algumas pessoas se preocupam que o efeito sanfona pode fazê-las ganhar mais gordura abdominal. Pessoas que tendem a ter mais gordura na área abdominal, ao invés de nas coxas, quadril, e nádegas, têm mais possibilidade de desenvolver diabetes tipo 2, doença cardíaca e hipertensão. Estudos não detectaram, entretanto, que após o efeito sanfona as pessoas têm mais gordura abdominal do que tinham antes.

O efeito sanfona prejudica minha saúde?

Alguns estudos sugerem que o efeito sanfona pode aumentar o risco de certos problemas de saúde. Eles incluem hipertensão, colesterol alto e doenças na vesícula. Para adultos que não são obesos e não têm problemas relacionados ao peso, especialistas recomendam manter um peso estável para evitar quaisquer riscos à saúde associados ao efeito sanfona. Adultos obesos, entretanto, devem continuar a tentar perder peso para melhorar a saúde e reduzir o risco de desenvolver doenças relacionadas à obesidade.

Perder e recuperar peso pode ter um efeito psicológico negativo se você se deixar ficar desencorajado ou deprimido. O efeito sanfona não deve ser uma razão para “se sentir fracassado”. É uma razão para refocar em fazer mudanças de longo prazo na sua dieta e nível de atividade física para ajudar a não recuperar o peso que você perdeu.

Como Evitar o Efeito Sanfona

Se você não quer estar entre as vítimas do efeito sanfona, uma das coisas que você precisa fazer é melhorar seu metabolismo ao invés de desacelerá-lo. Você pode fazer isso ao aumentar sua quantidade de atividades físicas. Você também deve buscar formas de perder peso devagar e com cuidado, porque isso cria uma perda de peso mais eficaz e duradoura.

Mas se você já está em uma dieta restritiva e quer manter o peso alvo é muito melhor aprender como evitar um novo ganho de peso. Aqui vai:

Exercício!

Exercitar-se durante a dieta defende e fortifica o sistema muscular ao inibir uma diminuição na taxa metabólica (a queima de gordura no corpo em repouso). Obviamente isso não tem que ser em uma academia. Qualquer coisa que aumente sua taxa cardíaca e tonifique seus músculos é bem vinda, como caminhada, andar de bicicleta e natação.

Ceda às Vontades Algumas Vezes

Enquanto ceder a vontades não deve ser uma rotina, dizer sim a uma vontade de vez em quando não irá te prejudicar, mas sim te manterá no caminho certo. Isso pode parecer sem sentido, mas está certo. Se você não acomoda nenhuma das suas vontades durante seu plano de perda de peso, você provavelmente vai comer demais assim que não estiver mais entusiasmado a tentar perder peso. Comer em excesso é uma montanha escorregadia, e no final, você vai ganhar peso.

Identifique Causas Emocionais Que Levam a Comer

Muitos de nós consumimos alimentos quando estamos desapontados, ansiosos e até felizes. Esses são gatilhos emocionais para todos. Distinguir quais são seus gatilhos e aprender a superá-los permite que você tenha sucesso. Assim que você saiba que emoções fazem com que você coma, encontre formas de não ceder a eles. Não há uma abordagem perfeita para isso, mas você pode tentar manter um diário como alternativa a comer, você pode escrever sobre o que está te fazendo querer comer. Outra grande distração é o exercício. Exercícios liberam endorfinas, que se livram da depressão e estresse.

Estabeleça uma Meta realista

Uma das principais razões por que dietas falham é escolher uma meta inalcançável. Decida constantemente qual seu peso ideal de acordo com sua altura, idade e estrutura. Descubra seu IMC e foque em perder peso para ficar na área saudável. Se você escolhe um peso inalcançável, pode ser que você atinja sua meta, mas será difícil manter o peso uma vez que você chegue a ele.

Se você desiste fácil, manter um estilo de vida saudável depois da sua dieta pode ser um problema. Entrar em um grupo pode ser bom. Se você não se sente bem compartilhando sua vida com desconhecidos, tente encontrar apoio na sua família e nos amigos.

A principal coisa nesse assunto é manter o peso que você conquistou e prevenir qualquer ganho de peso após ou durante o curso da dieta em que você está. É muito fácil recomendar uma dieta que te fará perder muito peso, mas manter esse peso por longos períodos será um desafio. A ideia do efeito sanfona é que você antecipe como pode controlar seu peso assim que atingir sua meta e assim, no futuro você pode ser mais saudável e feliz.

Gostou das dicas!?

Você já passou por um efeito sanfona alguma vez na vida?

Como era a sua dieta quando conseguiu perder peso, e que motivos o levaram a ganhar de volta?

Comente abaixo!

 

1 comentário

Deixe um comentário